Quando te conheci

sábado, dezembro 06, 2014 20 Comments A+ a-

Cara, eu lembro até hoje de como te conheci, parece que faz tanto tempo não é? Mas não faz... Eu lembro que eu comecei a gostar de você, ai eu fui falar contigo pelas redes sociais, depois de uns dias você me deu seu telefone, e eu ficava dia e noite esperando meu celular tocar, na esperança que fosse você me ligando ou até mesmo mandando uma mensagem. Depois de umas semanas a gente resolveu se encontrar, eu não podia ir, e fui escondida, eu estava nervosa, mas eu fui e cheguei lá, vi você sentado com os fones de ouvido, você estava lindo naquele dia, eu fui e sentei lá ao seu lado, eu estava morrendo de vergonha, ai a gente começou a conversar, e eu como sou idiota, comecei a falar um monte de coisa nada a ver, e o mais gostoso disso tudo, era ouvir você rindo das minhas bobices, até que você disse que queria “ficar” comigo, e eu fiquei vermelha de vergonha e disse que também queria ficar contigo, eu me virei e a gente se beijou... Não foi um beijo qualquer, foi o primeiro beijo de muitos, o beijo que mudou minha vida... Sua boca era macia, e o toque do seu beijo me levava a outro mundo, aliás, ainda leva.
  
Eu poderia ficar aqui falando de todos os nossos encontros, mas ia ficar maior o texto, então vamos para a parte que você me pediu em namoro, a gente ainda estava se encontrando “escondido” e você disse que queria namorar comigo, e eu ficava falando que não podia meus pais não deixavam... Até que um dia a noite você veio em casa, e falou que ia pedir a minha mão em namoro pros meus pais... E não é que eles deixaram? Foi um dos dias mais felizes da minha vida, estava tudo tão perfeito, eu estava realmente apaixonada por você, e você por mim, mas... Com o tempo vieram aparecendo às brigas, brigas pra cá e pra lá, você tentou terminar comigo umas duas vezes ou mais, e cara, você não sabe como eu me senti , sabe quando você me via chorando na sua frente? Acredite, eu nunca chorei na frente de ninguém praticamente, mas o que acontecia, era que eu me sentia confortável perto de você, quando você me abraçava, às vezes me dava uma vontade maior ainda de chorar, não só por tristeza, mas envolta de seus braços eu me sentia segura, segura o suficiente pra me relaxar e deixar minhas lágrimas caírem, como se fosse meu porto seguro , bem ali, naquele sincero e calmo abraço.

O tempo foi indo, e a junto continuou a seguir, sempre juntos... Até que um dia eu comecei a passar mal, é, eu estava doente, com anemia, e você cuidava de mim, é estranho falar isso, porque sempre que me lembro disso eu choro, não de tristeza, mas de alegria, de pensar que tinha alguém que se importava comigo, as vezes eu passava mal perto dele e desmaiava, mais nesse vai e vem e conseguia ver ele ali do meu lado, olhando pra mim , e aquilo me dava uma sensação estranha e boa, é claro que, nossa história também teve vários problemas, aliás, qual não tem? Eu tentei fazer o Maximo que eu podia pra te deixar feliz, eu juro que tentei, eu realmente me entreguei a você, porque eu tinha certeza que era você que eu queria para a minha vida inteira, e eu cheguei até a prometer que eu nunca deixaria de te amar, eu nunca desistia de você, que mesmo com esse seu jeito “complicado” eu iria fazer de tudo por você, de tudo por nós. Você acha que foi fácil? Não é fácil, é muito complicado, você não sabe o quanto dói, você querendo me deixar e ir embora, e eu ter que ficar implorando ali, mas sabe por que eu “imploro” por você? Porque eu não consigo me ver sem ser ao seu lado, eu segurei sua mão e cai no mundo, eu só tenho a você, e sem você eu não tenho motivos pra existir. Sabe quantas vezes eu falei que minha existência nesse mundo era um erro? Muitas vezes. Eu nunca tive ninguém ao meu lado, as vezes até meus pais não estavam ali , eu sei que essa história parece mais um “mimimi” de uma adolescente apaixonada, e é, eu sei que isso vai agradar uns, e outros vão detestar e falar que isso ta sem graça, mas o que me importa não é agradar ninguém, nem quero agradar você, só quero falar um pouco da nossa história, claro que aqui não conta nem metade, até porque se eu fosse escrever tudo, não teria fim , pelo menos da minha parte...                                                                                        


 É, eu estou aqui, em um dia frio, de chuva, escrevendo um pouco da nossa história, eu escuto esse barulho calma da chuva que me acalma, olho pela janela e fico me lembrando de você, e pensando em como você está, e fico imaginando você aqui ao meu lado, mesmo que fosse só para te observar de perto, como já fiz quando você estava bravo comigo, eu sei que você não gosta muito dessas coisas de textos, mas eu precisava escreve , você estava bravo comigo eu acho, e saiu sem me dar um beijo, e não foi uma despedida legal, ou melhor, um “até logo”, e o que me incomoda é isso, eu me sinto incompleta sem esse beijo seu, sem ouvir um “eu te amo , claro que as vezes esse “eu te amo” não basta, amor não é só palavras, eu sei disso, mas qualquer abraço seu me acalmaria nesse momento, um abraço seu teria o poder de alegrar meu dia, e com certeza sairiam lágrimas felizes dos meus olhos. Eu nem sei se algum dia você vai ler isso, ou pelo menos ler até o final, mas eu escrevi tudo isso, porque eu te amo, eu sei que um texto não é lá grande coisa, mas é um pouco do meu sentimento, porque agora a única coisa que sei escrever é sobre você, e bem, não sei como terminar isso, aliás, eu não quero terminar, terminar pra que se o nosso romance não vai ter fim ? 

Uma shinigami que gosta de ler e é apaixonada por joguinhos, sonha em lançar um livro e um dia ir para o Japão. Fallenatica e k-popper, chora quase sempre que escuta Lie.

20 comentários

Write comentários
Lilly Nyan
AUTHOR
6 de dezembro de 2014 17:51 delete

Uau, adorei o texto. Você escreve muito bem. Xoxo' <3
Não sou uma It | Fanpage

Reply
avatar
6 de dezembro de 2014 19:03 delete

Arrasou, lindona. Amei o seu texto. Maravilhoso!
Beijão

Reply
avatar
Tuane Tagava
AUTHOR
6 de dezembro de 2014 19:07 delete

Amei seu texto, gosto de como você expressa os sentimentos com palavras tão bem elaboradas...

Reply
avatar
6 de dezembro de 2014 19:22 delete

Que belo texto hein? Uauu! :o

Super amei!

www.todaonca.com.br

Reply
avatar
Tati Freitas
AUTHOR
6 de dezembro de 2014 22:55 delete

Lindão, adorei! Só cuidado com os espaçamento das vírgulas =3
Se você formatar o texto também, ele vai brilhar, tenho certeza.
Mas continue escrevendo =D

Bjo

Salieri
http://www.visaoperiferica.com

Reply
avatar
6 de dezembro de 2014 23:02 delete

Nossa, me vi nesse texto, sério! Parabéns, você escreve super bem!
http://yasrodrigues.blogspot.com.br/

Reply
avatar
Lory Aguiar
AUTHOR
6 de dezembro de 2014 23:15 delete

Aiiinn que história fofinhaaaa!!! Ameiii

Reply
avatar
7 de dezembro de 2014 01:17 delete

Adoooorei lindona! Que texto incrivel, arrasou ♥

Reply
avatar
7 de dezembro de 2014 15:37 delete

Ah , obrigado pela dica !
vou continuar sim , bj

Reply
avatar
7 de dezembro de 2014 15:40 delete

hahaha
fico feliz com isso'

Reply
avatar
Cintia Salves
AUTHOR
7 de dezembro de 2014 16:14 delete

parabéns prima ficou muito bom :)

Reply
avatar
7 de dezembro de 2014 17:59 delete

Amei seu texto. Você escreve muito bem!

http://sobre-tudoum-pouco.blogspot.com/

Reply
avatar
8 de dezembro de 2014 08:46 delete

obrigada , tento melhorar a cada dia , já que ainda há muitos erros.

Reply
avatar